'Católico de verdade não assiste o Big Brother Brasil', alerta Padre Sérgio Luis


Sei que muitos já conhecem o coração e o pensamento do padre acerca desse horrível programa onde tem como nome “GRANDES IRMÃOS”. 



Esse programa tem entrado em nossas casas (que é um Santuário da Vida) e tem destruído e arruinado muitos matrimônios, a juventude, adolescentes e crianças…



Um programa que tem dessacralizado o que nós, cristãos católicos, temos como “lugar sagrado” que é o CONFESSIONÁRIO. Nós usamos o confessionário para recebermos o perdão de Deus através do sacramento da Reconciliação, nos arrependendo de nossos pecados e nos unindo a Deus, a Igreja e aos irmãos.

Em contrapartida, esse programa usa do CONFESSIONÁRIO para eliminar não o pecado, e sim o IRMÃO, A CARIDADE… TUDO EM NOME DA FAMA E DO DINHEIRO. Sendo que aprendemos que quem “quer ganhar deve perder”, e que a nossa recompensa não está aqui nesta terra e sim no CÉU.

É vergonhoso e lastimável saber que católicos assistem a esse programa do mal, que deseja enfiar goela a dentro os três deuses que o mundo apresenta: sexo, dinheiro e poder (fama).

Eu como sacerdote, digo: NÓS, CRISTÃOS, NÃO PODEMOS DAR IBOPE PARA ESSE PROGRAMA DO MAL. E DIGO MAIS: VEJO COMO PECADO GRAVE ASSISTIR ESSE PROGRAMA.

Rezo pela conversão dos seus organizadores, para que obtenham a misericórdia de Deus. Não quero dizer com isso que sou puritano, que sou melhor que eles, não é isso! Deus sabe que sou pecador e sabe mais ainda o quanto luto para ser santo. E por querer ser santo que não posso assistir e nem deixar de exortar os meus para não assistirem, pois esse programa não nos ajuda na santidade, pelo contrário nos afasta ainda mais, e deturpa a imagem de filhos de Deus.

Sei que com essas linhas não agradarei a muitos… Mas não sou sacerdote só para agradar pessoas e sim para salvar almas, ainda que de início muitos não concordem.

Deus vos abençoe.

Padre Sérgio Luis

Nos ajude na evangelização compartilhando nas redes sociais!

COMPARTILHE

Comentários

  1. Tem que orar também pelos abusadores de inocentes que estão dentro das igrejas.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário