Agosto: a Igreja Católica celebra o mês das vocações

imagem das vocações

Todo ano, sempre no mês de agosto, a Igreja Católica celebra no Brasil o Mês Vocacional. >


Instituída na 19ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) no ano de 1981, a celebração foi criada com o objetivo principal de conscientizar as comunidades da responsabilidade que compartilham no processo vocacional.

Quer saber mais sobre o Mês Vocacional nas paróquias? Continue a leitura e veja os detalhes!

O que é o Mês Vocacional?

Para a Igreja, o mês de agosto é um tempo dedicado à oração, reflexão e ação nas comunidades com foco nas vocações. E, desde que foi adicionado ao calendário católico, todos os anos uma temática diferente é trabalhada nas paróquias pelo Brasil.



Durante esse mês, a cada domingo, são celebradas as seguintes vocações: sacerdotal, diaconal, religiosa, familiar e leiga. Em forma de oração, a intenção é pedir a Deus que prepare bons sacerdotes para servirem aos ministérios como verdadeiros pastores, sinais de comunhão e unidade da Igreja.

Programação

A Pastoral Vocacional, presente na maioria das paróquias, cada vez mais tem buscado celebrar esse período com animação e criatividade como forma de cativar mais pessoas para o caminho das vocações. Dividida em domingos, a celebração do Mês Vocacional acontece da seguinte maneira:

1º domingo - Vocações sacerdotais - Dia do padre

Na primeira semana, a celebração abre uma reflexão sobre a importância da vocação sacerdotal para a Igreja, rezando a Deus para que envie padres capacitados para cuidar das milhares de comunidades espalhadas pelo Brasil. O padre é o representante de Cristo dentro da comunidade, um pai espiritual para todos sob sua responsabilidade. Ele deve buscar a edificação e o crescimento da comunidade em que serve, tornando-a mais atuante e fundamentada na vivência do Evangelho.

2º domingo - Vocação familiar - Dia dos pais

Neste domingo, é celebrada a vocação da família na pessoa do pai, uma vez que, seu papel de educador em parceria com a mãe, é um dos pilares para filhos bem formados e conscientes do que significa ser cristão e cidadão. Em tempos de violência e perda de valores, a valorização da família é fundamental para a sociedade como um todo. Cabe aos pais, com amor, compaixão e fé, fazer do seu lar um ambiente que vive o caminho de verdade, justiça e paz de Jesus Cristo.

3º domingo - Vocações religiosas - Dia da vida religiosa

No terceiro domingo de agosto, a Igreja lembra dos homens e mulheres religiosos que consagram suas vidas a Deus e ao próximo. Desta vocação, nascem carismas e atuações enriquecedoras por meio de pessoas que buscam viver perseverantes em seus votos de castidade, obediência e pobreza. São símbolos do amor e da entrega que o ser humano é capaz de fazer ao Senhor!

4º domingo - Vocações leigas - Dia dos ministérios leigos

Neste dia, celebra-se a vocação de todos os leigos que, entre responsabilidades com a família e um trabalho formal, dedicam suas vidas para os serviços pastorais e missionários. Seja na catequese, liturgia, ministério de música, ações de caridade ou nas diversas pastorais existentes, os leigos são aqueles que têm consciência do chamado de Deus e participam ativamente da Igreja, contribuindo para a caminhada e o crescimento da comunidade.

Dia do catequista

Nos anos em que o mês de agosto possui cinco domingos, é celebrado no último deles, o dia do catequista. Catequistas são pessoas que, por vocação e missão, promovem a fé na comunidade preparando crianças, jovens e adultos para os sacramentos e, mais do que isso, para serem testemunhas de Cristo e do Evangelho no mundo.

via Ave-Maria
FAÇA SUA DOAÇÃO PARA MANTER ESSA OBRA:

EVANGELIZE COMPARTILHANDO NAS REDES SOCIAIS:

Comentários