"Maria passa na frente" é a nova música de Padre Marcelo Rossi com Gusttavo Lima

imagem de Padre Marcelo Rossi e cantor sertanejo Gusttavo Lima

Na canção com o cantor sertanejo, padre aborda o empurrão que levou em uma missa no interior paulista.



Após ser empurrado durante uma missa no interior paulista, Padre Marcelo Rossi, 52, diz iniciar uma "nova fase". Ele anuncia o single de estreia, "Maria Passa à Frente", do primeiro do EP que lança ainda em 2019. A novidade é que a música, de quase cinco minutos, terá parceria do cantor sertanejo Gusttavo Lima, 30.



"A identificação [com Gusttavo Lima] foi tão grande que parece que nos conhecemos há anos. Mesmo sem saber, cantamos no mesmo tom, ele uma oitava acima e eu, uma abaixo", diz o padre.

Ele diz, ainda, que a música retoma os últimos acontecimentos e sua recuperação: "Tive uma graça muito grande [em não sofrer nada grave com o episódio]. Você tem dúvida de que isso é um sinal de que Deus me prepara para algo maior?". O padre enxerga tudo o que passou como um "milagre", e diz que no momento em que sofreu a queda, "Maria passou à frente".

"Primeiro foi o empurrão. Dia 14 de julho eu chamo de 'Batismo de Fogo', eu nasci de novo. Eu nunca na minha vida vi algo assim, alguém ser empurrado de uma altura por volta de 2,15 metros e nada acontecer. Foi um momento que ficará marcado. Foi daí que surgiu a música. Agora o Gusttavo Lima... olha como Deus foi lindo, eu nunca havia gravado com ele. A Sony tinha pensado nele por saber que ele era católico, por toda a fé dele, o que é importante para mim. E ele acabou aceitando e ficou divino".

Na canção com Lima, ele trata do assunto com as frases: "O inimigo pode até tentar, mas nunca vai te derrubar/Você pode até cair, mas logo vai se levantar/Quem tem Maria como mãe, tem sempre o amor de Jesus". 

As vozes do padre e de Lima foram gravadas separadamente, e Rossi diz que ainda faz questão de encontrar o cantor para dar-lhe um abraço. A música fará parte de um EP com seis canções, que segundo o padre, prometem levar "muita fé" às pessoas, mesmo em tempos de preocupação com o Brasil.

"Aqui eu tenho certeza, mais uma vez, que é o toque da graça divina. A fé é otimismo. Muitas pessoas estão preocupadas com o Brasil, mas eu creio no Brasil. Eu creio que as coisas vão melhorar. E oro muito pelo nosso Brasil, oro também por essa situação". 




via O Tempo
FAÇA SUA DOAÇÃO PARA MANTER ESSA OBRA:

EVANGELIZE COMPARTILHANDO NAS REDES SOCIAIS:

Comentários

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário