As promessas de Santa Teresinha do Menino Jesus

imagem de Santa Teresinha do Menino Jesus

Além de prometer uma chuva de rosas, ela garantiu que intercederia por nós no Céu. 


Santa Teresinha do Menino Jesus nasceu no dia 2 de janeiro de 1873 em Alençom, baixa Normandia, na França. Desde o nascimento foi fraca e doente. Seu nome de batismo era Marie Françoise Thérèse Martin (Maria Francisca Tereza Martin). Filha de Louis Martim, relojoeiro e joalheiro, que quis ser monge na ordem de São Bernardo de Claraval, e Zélie Guérin, famosa bordadeira do ponto de Alençon.


Sua mãe faleceu quando Teresinha tinha apenas quatro anos. Por isso, a menina se apegou à sua irmã mais velha, Paulina, que passou a ser tida por ela como segunda mãe. Paulina, porém, seguindo a própria vocação, entrou para o Carmelo. Terezinha ficou muito doente causando grande preocupação em seu pai e irmãs. Um dia, porém, olhando para a imagem da Imaculada Conceição de Maria, de quem seus pais eram devotos, a Virgem sorriu para Teresinha e esta ficou curada. Desse dia em diante, Teresinha decidiu entrar para o Carmelo. Suas irmãs, que também se tornaram freiras, eram Maria, Paulina, Leônia e Celina. Seus 3 irmãos morreram muito cedo. Teresinha estudou no colégio da Abadia das monjas beneditinas de Lisieux por 5 anos.

Ela deixou vários escritos e já no final da vida, prometeu interceder por nós no Céu. Veja as promessas de Santa Teresinha do Menino Jesus:

1- “Depois da minha morte, farei cair do Céu uma chuva de rosas”;

2- “Deus há de fazer-me todas as vontades no Céu, em prêmio de eu não ter feito nunca a minha vontade na Terra”;

3- “Quero passar o Céu, a fazer bem sobre a Terra. Não olharei para as almas somente, mas hei de descer para junto delas. Vai começar a minha missão que é ensinar os homens a amar a Deus como eu o amo. Só descansarei no fim do mundo guando estiver completo o número dos eleitos. Nunca é demasiada a confiança que se deposita em Deus Infinitamente Bom e Misericordioso. Ninguém me invocará, sem receber resposta”;

4- “Não vou ficar ociosa no céu olhando a face de Deus, mas ficarei olhando para a terra para ajudar quem me procura”;

5- “Dos que não são santos e que não sabem tirar proveito dos seus sofrimentos, desses é de quem eu tenho pena, esses é que me fazem dó! Era capaz de remexer céu e terra para os consolar e aliviar”.

via Aleteia

FAÇA SUA DOAÇÃO PARA MANTER ESSA OBRA DE EVANGELIZAÇÃO:

EVANGELIZE COMPARTILHANDO NAS REDES SOCIAIS:

Comentários