As 7 promessas e as 4 graças aos devotos de Nossa Senhora das Dores


Antes, a devoção celebrava as chamadas Sete Dores de Maria. Foi o papa Pio X quem substituiu esse título pelo atual, recordado no dia 15 de setembro: Virgem Dolorosa, ou Nossa Senhora das Dores.



É com este título que nós, católicos, honramos o sofrimento de Maria, acolhido livremente na redenção mediante a cruz. Foi junto à Cruz que a Mãe do Cristo crucificado se tornou a Mãe do Corpo Místico plasmado na Cruz: a Igreja.


A devoção popular, que precede a celebração litúrgica, tinha fixado simbolicamente as sete dores da co-redentora com base nos episódios narrados pelos Evangelhos:
  1. a profecia do velho Simeão,
  2. a fuga para o Egito,
  3. a perda de Jesus no templo,
  4. o caminho de Jesus para o Gólgota,
  5. a crucificação,
  6. a deposição da cruz,
  7. o sepultamento de Jesus.
São episódios que nos convidam a meditar sobre a participação de Maria na Paixão, Morte e Ressurreição de Cristo e que nos dão forças para carregar a nossa própria cruz.
As promessas e graças aos devotos de Nossa Senhora das Dores
Santa Brígida, nas suas revelações aprovadas pela Igreja, afirma que Nossa Senhora lhe prometeu conceder sete graças a quem rezar todos os dias sete ave-marias em honra das suas principais “sete dores”, meditando a seu respeito. Estas são as promessas:
  • Colocarei a paz em suas famílias.
  • Serão iluminados sobre os Divinos Mistérios.
  • Eu os consolarei em suas penas e os acompanharei nos seus trabalhos.
  • Eu lhes concederei tudo o que me pedirem, desde que não se oponha à vontade do meu adorável Divino Filho e à santificação de suas almas.
  • Eu os defenderei nos combates espirituais contra o inimigo infernal e os protegerei em todos os instantes da vida.
  • Eu os assistirei visivelmente no momento da morte e eles verão o rosto de Sua Mãe Santíssima.
  • Obtive de meu Filho que aqueles que propagarem esta devoção sejam levados desta vida terrena à felicidade eterna diretamente, pois lhes serão apagados todos os pecados e meu Filho e eu seremos a sua eterna consolação e alegria.
Santo Afonso Maria de Ligório diz que Jesus prometeu aos devotos de Nossa Senhora das Dores as seguintes graças:
  • O devoto que invocar a divina Mãe pelos merecimentos de suas dores conseguirá, antes da morte, fazer verdadeira penitência por todos os seus pecados.
  • Nosso Senhor imprimirá nos seus corações a memória de Sua Paixão, dando-lhes o prêmio do Céu.
  • Jesus Cristo os guardará em todas as tribulações, especialmente na hora da morte.
  • Jesus os deixará nas mãos de sua mãe, para que deles disponha a seu agrado e lhes obtenha todos os favores.
via Aleteia
COMPARTILHE

Comentários