Ministra da Eucaristia é chamada de carola por Luciano Huck e ela responde testemunhando sua fé católica


Uma católica, Ministra da Eucaristia, participou do Caldeirão do Huck, da Rede Globo, do quadro "Quem quer ser um milionário", e ficou constrangida ao ser chamada de carola pelo apresentador Luciano Huck ao explicar qual era seu papel na Igreja.



Logo após o programa, vários católicos nas redes sociais se posicionaram elogiando a aula de catolicismo e sua explicação sobre a função do Ministro da Eucaristia. 



"Quando somos católicos, nós somos católicos e ponto! Não somos "carolas" ou qualquer outro adjetivo que nos ridicularize! Somos da Santa Igreja de Cristo!", disse Tadeu Silva Pinto.

Carola é uma gíria, usada na linguagem coloquial brasileira, para descrever uma pessoa muito ligada às práticas religiosas. Também serve, pejorativamente, para caracterizar uma pessoa hipócrita, que se diz seguidora de práticas religiosas severas, mas não as segue efetivamente; uma pessoa “falsa beata“.
Foi exatamente assim que o apresentador Luciano Huck, do programa “Quem quer ser o milionário?” quis adjetivar a participante.
CONFIRA O VÍDEO ABAIXO:


via Nossa Senhora cuida de mim

COMPARTILHE

Comentários

Sandra Junqueira disse…
Assisti o programa é não vi nada de pejorativo apenas falou se ela era Carola , vamos pensar que o Luciano Huck é judeu e segue sua religião e não a Religião católica , apenas falou algo que deve escutar dos católicos mas não sabia ao certo o significado . Sou católica e não vi nada demais no que ele falou .
Eu assisti e não vi maldade da parte dele, foi constrangedor e desnecessária a "irritação" dela.