VÍDEO: Milagre da liquefação do sangue de São Januário voltou a comover fiéis


O milagre da liquefação do sangue de São Januário voltou a comover centenas de fiéis presentes na Capela Real do Tesouro, durante uma cerimônia presidida pelo abade, Monsenhor Vincenzo De Gregorio.



O milagre ocorreu no sábado, 16 de dezembro, dia em que se celebrado São Januário como padroeiro de Nápoles.

Os fiéis chegaram à capela às 9h para esperar pelo milagre e, às 12h07, levantaram o lenço branco que, segundo a tradição, indica que o milagre ocorreu.
O milagre da liquefação do sangue de São Januário ocorre três vezes por ano: no sábado anterior ao primeiro domingo de maio, dia da transladação das relíquias do santo do cemitério Agro Marciano às catacumbas de Capodimonte; em 19 de setembro, quando se comemora o seu martírio; e, em 16 de dezembro, data em que é celebrado como padroeiro da cidade.

Uma publicação compartilhada por rmenast (@rmenast) em
Entretanto, em dezembro do ano passado o milagre não ocorreu, causando preocupação entre os fiéis.




Em março de 2015, o sangue se liquefez diante do Papa Francisco, fato incomum porque a última vez em que o milagre havia ocorrido com um Pontífice tinha sido em 1848, com Pio IX. Não aconteceu quando João Paulo II e Bento XVI visitaram a cidade em outubro de 1979 e no mesmo mês de 2007, respectivamente.

Via G1
COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS

Comentários

LEIA TAMBÉM:

NOSSO APLICATIVO: